Kim Kardashian: a culpada

Logo que surgiram as saias midi e no joelho, torci o narizinho, mas logo me apaixonei pelas mais soltinhas e rodadas. Agora, modelo lápis? Nem pensar! Too sexy mama, muito apertadinho, achatava meu corpinho de 1,60 até que…Kim Kardashian aconteceu na minha vida ♥IMG_20150719_213631098

Essa mulher exagera, “escorrega” pra caramba fashionisticamente, mas, apesar de todas as polêmicas, provou de vez pra mulherada que não tem problema nenhum mostrar as curvas e que dá pra ficar gata sem ser magérrima. Tanto que a coleção da Kim para C&A foi o maior sucesso e as peças mais cool – saias e top croppeds – esgotaram rapidinho. E foi com uma peça dela mesmo que eu estreei meu amor curvalicius ;) Como eu estou curtindo usar? Bom, não exatamente como a Mrs. West:

CAMISA AMARRADA NA CINTURAMidi_01

Amo essa mistura que deixa tudo bem moderninho. Aliás, tênis e camisas têm sido companheiros constantes no meu dia a dia por serem super confortáveis e se adaptarem facilmente. Amor sincero, amor verdadeiro que ainda esconde minha barriguinha saliente :)

T-SHIRTS E REGATASMidi_02

De novo a mistura de pesos das peças: uma mais feminina e arrumadinha e outra mais casual e podrinha. AMO! Simplesmente porque dá para usar a saia em situações bem informais que são, basicamente, toda a vida de uma pessoa que faz publicidade e trabalha com moda. A gente nunca precisa de um scarpin e uma camisa social.

Garimpei algumas peças nessa vibe que dá pra encontrar por aí com um preço bacana – porque nessas marcas fancy a gente já sabe que tem, mas, né?Saia-Kim-Kardashian_onde-comprar

ColcciRennerBazis

Vale dizer também que visitas a lojas da Forever 21, Zara e C&A são muito bem vindas! Vi umas lindas por lá com tecidos mais grossinhos – que geralmente caem melhor em mim ;) Partiu?

Beijos, beijos

Pela banalização do paetê

Já comentei por aqui algumas vezes sobre o meu eterno amor por brilho e paetês. Sim, se eu não tivesse nascido mulher, seria uma drag queen daquelas bem montadas. Então, vou aproveitar a animação de carnaval de vocês para ver se converto alguém para fazer parte do casting de RuPaul’s Drag Race comigo hehe

7ea045c57b2c3a4398640f1a3f828bc1

A grande questão é que nossas peças brilhosas são sempre exiladas para a noite, quando podiam muito bem estar pegando um solzinho e o ar fresco do dia. Em materiais relax, como o moletom, ou acompanhada de peças mais básicas, como aquela calça jeans curinga que todo mundo tem, os paetês – meus brilhos preferidos -, lurex e derivados são ótimos jeitos de transformar uma produção básica numa roupa super divertida e descoladinha.

Ainda não convenci? Então olha essas inspirações aqui e separa a peça da folia pra usar nesse verãozão :)

paete 03Shortinhos e saias são os mais fáceis, é só combinar com uma camiseta, rasteirinha ou tênis e tá pronta pra bater perna por aí. Rola também o truque do casaco da cintura – que tá todo mundo usando -, mas que com paetês fica bem mais legal ;) Daí se você for num bar abertou a noite, cineminha ou outro lugar com ar condicionado, é só jogar por cima do look basicão e sua drag interna vai sambar de saltão na diva do normcore (que também é linda, diga-se de passagem hihi #aindecisa)

paete 02Para não ficar com tanta cara de noite, o mais legal é focar em peças retas, soltinhas e mais básicas. Um short larguinho, cardigan etc, etc. Vestidões de moletons também são in-crí-veis, mas só dá pra aproveitar a ideia no inverno porque esses agradáveis 50° do verão carioca não tão me facilitando. Se você consegue usar moletom agora, mesmo dos mais fininhos, tô te invejando muito. Ah, aproveita também pra curtir um conforto, já que os visuais com tênis são super bacaninhas e relax, exatamente por causa desse contraste todo!

Sim, eu avisei que era drag queen. Espero que tenha contagiado vocês. Mais brilho, por favor

mg_6367-copyAliás, acho que isso dá uma série, hein!? Batom colorido, cropped, acessórios de cabelo, maxi bijous…O que vocês acham?

Beijos, beijos

[Desejo do dia] Chapéu floppy

O desejo não é do dia, é de décadas #exageroschapeufloppyO chapéu que foi moda nos anos 1970 voltou a tona e anda enfeitando a cabeça de um monte de mocinhas estilosas por aí. Estou querendo um de feltro marrom, bem molinho, mas com as abas não tão enormes para eu ter coragem de usar. Sabe como é, né? Só o fato de usar chapéu fora da praia já é bem diferente aqui no Brasil (ainda mais no Rio!). Pra compartilhar a vontade com vocês, taí um monte de looks cheios de amor com o floppy :)

. PARA O FRIOChapeu floppy invernoAté tem uma ou duas fotos com clima de inverno carioca intrometidinhas por ali, mas a maioria delas é pra quem vai viajar ou mora pelo Sul do país mesmo. Muita sobreposição de peças, texturas e…o chapéu protegendo do frio!

. PARA O CALOR
chapeu floppy verãoPerninhas de fora, tecidos esvoaçantes, óculos escuros e…o chapéu protegendo do solão! Juro que não entendo como ainda não aderimos ao acessório, me parece tão óbvio usarmos no nosso clima para poupar rosto e cabelo do sol!

Minha vontade era tão grande que eu achei esse modelo na Riachuelo por R$49 e comprei para usar na praia – apesar de quase não ir a praia hehe. Como ele é de palha, não gosto muito de tirar da areia, mas veremos até onde meu fogo para estreiá-lo vai me levar!Instagram Chapéu FloppyAh, escrevendo esse post acabei não aguentando e comprei um de feltro marrom pelo eBay! haha Logo assim que chegar, conto como veio, posto link, etc, tá bom?

Cês conhecem outro lugar vendendo floppy a preços razoáveis? Me contem!

Beijos, beijos

These boots are made for walking

Eu não sei exatamente o motivo, nem como começou, mas eu estou totalmente viciada em botinhas, principalmente as de salto baixo. São lindas, estilosas e muito confortáveis ♥

Meus amores em forma de sapato

Meus amores em forma de sapato

Não cabe mais uma havaiana no meu armário, mas ainda quero os pares que estão faltando pra coleção: uma biker e outra de franjas. Óbvio que se o dinheiro e a sapateira dessem viriam muitos outros, mas eu me controlo (ou não)

Sim, eu moro no Rio e o nosso frio é de 20° graus. Não, isso não me impede de usar botinhas, principalmente as de cano curto. Além de skinny, legging e meia calça, elas também ficam lindas com vestidos, saias e shortinhos com as pernocas de fora mesmo. São muito versáteis e ainda protegem o pézinho de ruas sujas e chuva!

Atenção, separei muito amor pra vocês. Salvem em suas pastinhas de inspirações :)

. COTURNO

Fotos: Reprodução / Edição: Cléo Santiago

Fotos: Reprodução / Edição: Cléo Santiago

. CHELSEA BOOTS

Fotos: Reprodução / Edição: Cléo Santiago

Fotos: Reprodução / Edição: Cléo Santiago

. FLATS CANO CURTO

Fotos: Reprodução / Edição: Cléo Santiago

Fotos: Reprodução / Edição: Cléo Santiago

. BIKER

Fotos: Reprodução / Edição: Cléo Santiago

Fotos: Reprodução / Edição: Cléo Santiago

. SALTO BLOCO

Fotos: Reprodução / Edição: Cléo Santiago

Fotos: Reprodução / Edição: Cléo Santiago

. MONTARIA

Fotos: Reprodução / Edição: Cléo Santiago

Fotos: Reprodução / Edição: Cléo Santiago

Deu pra perceber como elas vão com qualquer estilo, né? Acho que minha única ressalva é não usar com calças largas porque fica meio embolotado, com cara de desleixo, sabe? Fora isso, se joga!

Vocês também estão nessa vibe louca de botas? Me contem, não quero me sentir só haha

Beijos, beijos

Bandeirismo + 1° e 2° dias de workshop

Foto: Reprodução / Edição: Cléo Santiago

Olímpiadas? Copa do Mundo? Qualquer mega evento desses é sinônimo da cultura e imagem do país/cidade sede em alta, certo? Com os jogos olímpicos em Londres não foi diferente e estão chovendo por aí compartilhamentos ‘londrinos’ nas redes sociais (blergh), camisas divertidas, soldadinhos da rainha, etc. Mas, sem dúvida nenhuma, o que virou – ou foi adaptado dos USA –  tendência mesmo são peças com a bandeira do Reino Unido (pelo amor de Deus, essa vermelha e azul NÃO é da Inglaterra, como eu já vi até lojas falando.)

Não sou lá tão fã dessas nail arts ou de peças com giga bandeiras, mas sou deveras louca por essa clutch do McQueen, amei esse case do Iphone e simpatizei bastante com esse shortinho. Independente do seu gosto em relação as roupas em si – já que isso é super pessoal – acho que o grande segredo, como em qualquer outra tendência, é o equilíbrio. Não vai sair usando tudo junto que nem uma ‘u.k.aholic’  ou com outras peças mega estampadas, né?(a não ser que você seja ultra expert e saiba fazer um mix como ninguém). Separei alguns looks interessantes pra dar uma inspirada:

Fotos: Reprodução / Montagem: Cléo Santiago

Fotos: Reprodução / Montagem: Cléo Santiago

Percebam o quão legal é pensar fora da caixinha e usar uma t-shirt com gola extra e saia de couro, por exemplo. Nada precisa ser tão óbvio, nos vestir pode ser realmente divertido e prazeroso, só precisamos nos permitir pirar!

Aliás, falando em piração, preciso comentar a contar pra vocês sobre o worshop de moda sustentável que eu falei no último post, né? Primeiramente, tenho que elogiar o SESC, suas instalações e o tratamento que nos é dado. Tudo de primeiro mundo, parece que pagamos milhões pelo curso (que foi de graça). Ah, se tudo fosse assim! Mas, vamos ao que nos interessa aqui, né?

O primeiro dia é sempre aquela coisa de apresentações, descobertas, etc, mas já posso dizer que adorei minha turma e as ministrandas. Todo mundo bem entrosado. A tarde tivemos uma palestra sobre uma ONG que faz bolsas a partir de lonas vinílicas e, na boa, tinha uma pasta masculina lá que venderia numa Ellus da vida fácil, fácil. O debate que rolou me fez refletir bastante sobre exageros no consumo, o impacto ambiental que causamos, etc. E hoje finalmente começamos a parte divertida da história toda: customização! Estou com uma t-shirt galaxy e um short jeans ombré em andamento, aguardem! haha

Um pouco (tem muuuuito mais) dos brinquedinhos disponíveis no atelier:

Foto: Cléo Santiago

Bom, meninas, é isso! Amanhã temos cenas dos próximos capítulos :)

Beijos

Anéis ‘de falange’

Foto: Reprodução / Edição: Cléo Santiago

Sinceramente eu não sei porque diabos chamam desse jeito, já que todo anel é de falange, mas se é assim, let it be. Os tais ‘anéis de falange’ são esses pequenininhos, para serem usados na última ou na falange média (a do meio –  dãr – do dedo) junto com outros anéis, sejam eles mais grossos ou bem fininhos como os da imagem.

Fotos: Reprodução / Montagem: Cléo Santiago

Existem muitos tipos: alianças, com desenhinhos girly, com mini spikes e até uns mais bizarros tipo esses nail rings. Acabei não achando nenhum exemplo legal pra mostrar pra vocês, mas quando usados com muitos anéis, inclusive com grandões, resultam numa combinação boho bem legal. Mas o forte dessa tendência é mesmo o mix com anéis mais delicados, alianças em vários dedos, bem como as imagens aí de cima mostram.

Favor não reparar nos dedinhos tortos, grata!

.Quando coloquei a primeira vez no dedo achei meio esquisito, porque não é uma coisa que estamos acostumadas, né? Logo depois, o estranhamento passou e eu adorei. É mais uma combinação de acessórios pra brincar e sair da mesmice. Só não me saiam por aí com os anéis de falange e com a unha horrorosa, hein!? Eles chamam muito mais atenção para as nossas garrinhas que os anéis normais, então prestem atenção na manicure!

E aí, meninas, vocês usariam?

Beijos

Déjà vu: neon

Foto: Reprodução / Edição: Cléo Santiago

Lá em 2008, 2009 vimos as cores fluorescentes retornarem dos anos 1980 direto para nossos armários, mas em duas temporadas cansamos delas e tudo ficou esquecido lá no cantinho, certo? Bom, isso até o final do ano passado quando os neons começaram a entrar discretamente nos looks das fashionistas em colares, bolsas, sapatos e outros acessórios. Mas a tendência pegou mesmo aqui no Brasil no início desse ano com o desfile de inverno 2012 da Pat.Bo no Fashion Rio

Fotos: Reprodução / Montagem: Cléo Santiago

Tudo lindo demais, né? O pessoal se animou e investiu no look total aceso, já é até fácil acharmos peças flúor nas araras. Essas são alguns looks da coleção verão 2013 da Espaço Fashion que vão para as lojas essa semana:

Fotos: Reprodução / Montagem: Cléo Santiago

Apesar disso, muita gente ainda tem um certo medo de usar os neons por aí – e eu entendo o porquê -, então busquei referências mais discretas e outras bem ousadas pra mostrar por aqui.

Acessórios fluorescentes – Fotos: Reprodução / Montagem: Cléo Santiago

Looks neon – Fotos: Reprodução / Montagem: Cléo Santiago

Acho que o maior segredo pra conseguir usar a tendência é buscar inspiração e  encarar qualquer olhar menos discreto como um elogio velado. Vamos tentar? Se eu me aventurar posto look aqui, ok? haha

Beijos

Colete + look (preguiçoso) do dia

Na minha opinião colete não é  roupa, é um acessório, uma peça adicional que serve mais pra dar um charminho num look totalmente boring do que pra vestir. E daí, né? A gente adora exatamente por isso!

Que taque a primeira pedra aquela que não tem um único coletezinho dentro do armário! Existem tantos tipos por aí que eu arrisco dizer que é uma das únicas peças democráticas no mundo da moda (junto com a calça jeans, a t-shirt e outras raridades), mas por conta dessa variedade toda as vezes a gente acaba se perdendo. Confesso que acho alguns feios demais, dão uma empobrecida na roupa, mas eu não estou aqui pra criticar nada e, sim, para dizer o que eu curto. O legal da moda é que podemos tirar nossas próprias conclusões, então sintam-se a vontade.

Eu, particularmente, gosto muito dos jeans quadradinhos, dos de couro estilo biker e dos de pelúcia que com certeza vocês já perceberam que estão aparecendo demais nesse inverno. Juntei algumas sugestões de look, no big deal, mas vejam como ele faz a diferença:

Colete jeans – Fotos: Reprodução / Montagem: Cléo Santiago

Colete Preto – Fotos: Reprodução / Montagem: Cléo Santiago

Colete pele fake – Fotos: Reprodução / Montagem: Cléo Santiago

Só pra finalizar o post (que tá ficando enorme), meu look total preguiça de hoje. Precisei acordar cedo pra ir ao Jardim Botânico fazer um trabalho de fotografia da faculdade, ou seja, estava com sono e tinha que estar muito confortável pra andar BASTANTE. O que é melhor do que regatinha+shortinho jeans detonado e tênis nessas ocasiões? Pra ficar mais bonitinha, me joguei no colete do DIY, fiz um mix de pulseiras, o tênis era um Converse de oncinha dourada e o óculos tão necessário para tapar minhas olheiras, um gatinho fofo.

Esqueci de tirar foto do mix de pulseiras #blogueiraamadora

E haja coragem de postar a careta aqui :$ Hahaha

Beijinhos