Brincões atualizadores

Por um bom tempo foram meus acessórios preferidos, depois saíram do meu radar por motivo nenhum. Mas sabe quando você começa a ter vontades totalmente inexplicáveis e incontroláveis!? Então, foi assim que os brincos voltaram pras minhas orelhas.4e900b0cc401e9b953ef543654892dd1 Não que eu tenha realmente parado de usar, mas estava por alguns anos só nos pequenininhos básicos que combinavam com tudo.

Em homenagem ao meu retorno oficial ao mundo dos brincões, selecionei alguns atualizadores instantâneos de look. Só colocar uma roupa basicona, se jogar neles e, pronto! Tá gata ;)

Brincos_étnicosOs étnicos geralmente são coloridos e bem geométricos. Carregam um ar mais descoladinho naturalmente e acho que são meus preferidos (assim como tudo nesse estilo haha)

Brincos_tasselTassel, franjinhas ou como você quiser chamar, é fato que ele já apareceu bastante pela sua frente. Gosto mais quando é diferente e têm elementos surpresa, tipo o da menina do meio. Fora que fica mais alegre e cool!Brincos_plumas

A vassourinha também conhecida como brinco de plumas é bem diferente e chamativa. Pouca gente encara, mas AMO com camisa branca e calça jeans pro dia a dia mesmo! Faz aquele hi-li cheio de bossa :)

Brincos_gipsySei que depois desse post ando suspeita para falar, mas cês já perceberam o quanto essa pegada cigana tá ganhando os acessórios? Haja medalhinha por aí! Os brincos gipsys e seus exageros vieram para ficar por essa estação!

Brincos_earcuffSei que o earcuff não é nenhuma grande novidade ou ‘tendência’, mas acho muito estiloso! Acho que nunca vou me cansar, especialmente em looks de festa ♥

E é claaaaaro que eu continuo adepta dos pequenos também, principalmente com um monte deles juntos. Mas isso já é assunto pra outro post…

Beijos, beijos

[Último dia de workshop] Renovando acessórios

Oi, meninas, tudo bem? Sexta foi o último dia do Caixa de Ferramentas (já estou com saudade!) e, como eu falei no post passado, a oficina foi sobre acessórios. Sapatos, bolsas, cintos e bijouterias, tudo podia ser customizado! Eu só pensei em sapatos pra transformar, mas não quis levar porque achei que eles não secariam a tempo e eu faria cagadinha na volta. Ou seja, fiquei lá ajudando quem tinha muito trabalho pra fazer e absorvendo informações pra usar em casa.

O que mais foi discutido foi como renovar sapatos, já que são os que se destroem primeiro, né!? Mas todas as técnicas se encaixam em bolsas e cintos, afinal os materiais são basicamente os mesmos. Aprendemos ‘glitterização’, pinturas com esmalte, tinta couro, tinta de tecido e verniz. Para as pinturas usamos basicamente o mesmo processo: limpamos bem o sapato, passamos uma camada de tinta, esperamos secar e, em seguida, passamos a outra. Se a intenção não for pintar o sapato inteiro, protegemos o que não deve pegar tinta com fita crepe; com o esmalte é preciso usar um pincel macio para não marcar e depositar o produto aos poucos num pote, porque seca muito rápido! Ah, caso você ache que o sapato precisa de mais brilho depois da pintura, aplique um verniz normal ou brilhante. Não tirei nenhuma foto de sapatos pintados com esmalte, mas achei uma imagem na internet que retrata um ótimo uso dele:

Renovando uma sandália nude sem graça – Foto: Reprodução

Com certeza você já achou algum DIY na internet sobre como fazer um sapato todo trabalhado no glitter, né? Eu também já tinha visto e todos mandam fazer uma  pasta de cola e glitter e, bom, segundo as meninas da oficina isso não dá certo. Elas fizeram, foram usar o sapato e placas brilhosas iam caindo pela rua até que não sobrou nada do glitter. Para evitar esse desastre, use verniz os invés de cola, ele segura melhor a pintura e é a prova d’água. Assim como na pintura, é só colocar uma camada da mistura, esperar secar, passar a segunda e depois de tudo seco finalizar com verniz normal ou brilhante. Olha só o resultado:

Foto: Fábio Lopes / Edição: Cléo Santiago

Ah, vale ressaltar que, em qualquer técnica, se a cor da peça for muito diferente da que você quer colocar, é melhor pintar uma base branca pra não atrapalhar o resultado final! Já estou com a transformação de dois sapatos na cabeça, só tenho que comprar dois vidrinhos de esmalte e tinta couro porque não tem aqui em casa. Ainda essa semana posto minhas ‘artes’ aqui pra vocês.

Beijos, bom finalzinho de domingo :)

Anéis ‘de falange’

Foto: Reprodução / Edição: Cléo Santiago

Sinceramente eu não sei porque diabos chamam desse jeito, já que todo anel é de falange, mas se é assim, let it be. Os tais ‘anéis de falange’ são esses pequenininhos, para serem usados na última ou na falange média (a do meio –  dãr – do dedo) junto com outros anéis, sejam eles mais grossos ou bem fininhos como os da imagem.

Fotos: Reprodução / Montagem: Cléo Santiago

Existem muitos tipos: alianças, com desenhinhos girly, com mini spikes e até uns mais bizarros tipo esses nail rings. Acabei não achando nenhum exemplo legal pra mostrar pra vocês, mas quando usados com muitos anéis, inclusive com grandões, resultam numa combinação boho bem legal. Mas o forte dessa tendência é mesmo o mix com anéis mais delicados, alianças em vários dedos, bem como as imagens aí de cima mostram.

Favor não reparar nos dedinhos tortos, grata!

.Quando coloquei a primeira vez no dedo achei meio esquisito, porque não é uma coisa que estamos acostumadas, né? Logo depois, o estranhamento passou e eu adorei. É mais uma combinação de acessórios pra brincar e sair da mesmice. Só não me saiam por aí com os anéis de falange e com a unha horrorosa, hein!? Eles chamam muito mais atenção para as nossas garrinhas que os anéis normais, então prestem atenção na manicure!

E aí, meninas, vocês usariam?

Beijos

DIY: pulseiras velhas, visual novo

Vi circulando pela blogosfera essa história de pintar com esmalte neon peças de strass e resolvi experimentar porque acho super legal renovar peças que estão esquecidas e sem uso. Confesso que cheguei a pensar em pintar minhas pulseiras com um amarelão marca-texto, mas preferi ser mais clássica e, sinceramente, fiquei bem feliz com o resultado! Tenho usado bastante minhas criações (haha)

É beeeeeeem fácil, na verdade, e nem precisa de muita habilidade. Só precisa de:

– Peças de strass ( nem precisa ser branco, viu? O esmalte cobre qualquer cor!)

– O esmalte da cor que você quiser

– Acetona, algodão e um palitinho (só em caso de você fazer besteira)

– Recomendo que você coloque um pano pra forrar, só não fiz isso porque sou muito hardcore rs

Esmaltes Top Beauty – Ultimate 3D prateado, Impala – Na mira 3D e Preto, Risqué – Chão de estrelas e Tubinho, Colorama – Prateado

Basicamente o que eu fiz foi pensar em um padrão que eu gostasse e colocar as aulas de pintura da pré-escola em prática! Também vale lembrar pras mais desastradas tomarem cuidado pra não enfiar o dedão e borrar, porque né, é esmalte! As bichinhas ficaram assim, ó:

Nessa eu usei o Preto e o Na mira 3D, criando esse padrãozinho

Aqui foram usados o Chão de estrelas, Na mira 3D, Prateado, Tubinho + Ultimate 3D (desculpem a qualidade da foto!)

O mais legal disso, além das infinitas possibilidades, é que quando você cansar pode tirar com acetona e começar tudo de novo! Ótima pedida pra alimentar nosso pulseirismo, não acham?

Beijos